Topo
Blog Na Garagem

Blog Na Garagem

Por que a Renault escolheu "Caverna do Dragão" para promover o Kwid?

UOL Carros

2024-05-20T19:07:00

24/05/2019 07h00

Tem muita gente que esperou o "Jornal Nacional" só para ver o Renault Kwid Outsider — ou melhor, a "Caverna do Dragão". A campanha (que virou um dos assuntos mais comentados nas redes sociais) estreou na quinta (23) com um filme de 120 segundos no intervalo do telejornal da Rede Globo.

Quem está com motivos de sobra para sorrir é a Renault, como conta Federico Goyret, diretor de marketing da marca francesa no Brasil.

"Nossa intenção foi buscar algo criativo, que saísse do lugar comum. Fizemos algumas entrevistas com nosso público-alvo e chegamos até a 'Caverna do Dragão"'.

A escolha do desenho (que foi exibido no Brasil por 25 anos mesmo tendo apenas 27 episódios) dos seis garotos perdidos em uma dimensão repleta de dragões, mágica e aventura não foi por acaso.

"Esse desenho foi ao ar na 'Rede Globo' entre 1986 e 2014, então duas gerações foram impactadas. Foi o que fizemos também fizemos na campanha de lançamento do Kwid, a primeira co-produção com os estúdios Marvel", disse, lembrando da campanha com "O Incrível Hulk".

Goyret afirma que o público-alvo do compacto está na faixa de 35 a 45 anos.

"O desenho mostrava um jovem ingressando em um mundo de fantasia cheio de desafios, por isso achamos que seria perfeito para nosso produto. Aprovar uma campanha comum, como um comercial de cerveja, é muito fácil, pois é uma peça que nunca haverá crítica ou resistência. Algo como o que fizemos requer mais esforço, pois você precisa defender a ideia até o fim".

As filmagens aconteceram na Argentina com produção de profissionais com experiência em cinema. Goyret ajudou até na escolha das locações.

"Foram quatro dias de filmagens na Argentina, incluindo um ponto turístico famoso em Salta chamado Cafayate, perto da fronteira com a Bolívia. A gente podia até ter filmado boa parte das imagens em estúdios e usar efeitos especiais, mas escolhemos locações reais. Para nós o mais importante era selecionar o elenco de forma a respeitar as características de cada personagem."

Apesar do sigilo, a Renault não conseguiu evitar o vazamento de fotos tiradas durante as gravações. A fabricante, porém, transformou o problema em vantagem ao se aliar com o "Omelete", um dos maiores sites de cultura pop do país.

"Algumas imagens vazaram na internet e o 'Omelete' foi um dos sites que reproduziram. Assim tivemos a ideia de procura-los para ajudar na divulgação desta campanha. E funcionou: até ontem tínhamos mais de 200 notícias e milhares de posts nas redes sociais. Foi uma repercussão tão grande como nunca vimos na história da Renault".

Sobre o Blog

Bastidores, curiosidades e pequenas loucuras revelados pela redação de UOL Carros, que nunca para de falar de carros. Nunca...