Topo
Blog Na Garagem

Blog Na Garagem

Motorista de Tesla ignora aviso de modo semi-autônomo e bate em SUV

UOL Carros

09/10/2018 12h04

O Autopilot é um dos recursos mais bacanas dos veículos da Tesla. Embora ele seja capaz de controlar a velocidade do carro, fazer curvas e eventualmente até evitar colisões, o sistema ainda é semi-autônomo. Ou seja, ele precisa de intervenção humana em certas situações — e emite um alerta para que o motorista assuma o controle.

Foi o que aconteceu com o dono de um Model S que bateu na traseira de um Nissan. O Tesla viajava a  70 km/h quando atingiu em cheio o SUV, que estava parado no meio da estrada provavelmente por causa de um acidente à frente.

Ironicamente, a Tesla divulgou recentemente um comunicado no qual afirma que o modo Autopilot reduziu acidentes em 40%. Até agora, dois acidentes fatais foram registrados nos Estados Unidos enquanto o sistema estava ativado.  O primeiro ocorreu em 2016, quando um Model S bateu em um caminhão. Na época, investigações mostraram que o reflexo do baú do caminhão teria confundido o sistema. Outro caso aconteceu em março deste ano em Mountain View, quando um Model X atingiu uma das barreiras que dividem as faixas da estrada e pegou fogo antes de ser atingido por outros dois veículos.

Em tempo: o Model S emitiu um alerta sonoro solicitando intervenção do condutor segundos antes do impacto, mas tanto motorista quanto passageiro estariam distraídos com as viaturas paradas nas laterais da estrada e não viram o veículo parado. Se serve de consolo, pelo menos a polícia não demorou nada para chegar ao local da batida…

Sobre o Blog

Bastidores, curiosidades e pequenas loucuras revelados pela redação de UOL Carros, que nunca para de falar de carros. Nunca...