Topo
Blog Na Garagem

Blog Na Garagem

Preços da BMW caem com novo regime e insinuam futuro megadesconto

UOL Carros

18/02/2013 17h51

BMW mais barato do Brasil, o 116i (foto) não tem faróis de neblina e som com sistema Bluetooth

A habilitação da BMW no Inovar-Auto (novo regime automotivo) já mexe com alguns preços da marca premium alemã. É o que mostra a tabela de valores divulgada no último dia 15 ao ser comparada à anterior, de outubro de 2012.

O Série 1 de entrada, o 116i (sem iDrive e Bluetooth), baixou de R$ 104.950 para R$ 89.950, um corte seco de R$ 15 mil, ou 14,3%. A versão mais cara do sedã Série 3, a 335i Sport, recuou 12,8%, baixando de R$ 304 mil para R$ 264.950. E o crossover mais dispendioso da BMW no país, o X6 M, caiu 13,5%, chegando a R$ 499.950 (em dinheiro, o desconto é de R$ 77.750).

A BMW ganhou novo status após comprometer-se, no final de 2012, a erguer uma fábrica em solo brasileiro. Ela será em Araquari (Santa Catarina), e demanda investimento de cerca de 200 milhões de euros. Deve entrar em operação no final de 2014 e produzir carros de porte menor, como o Série 1, o X1 e o Série 3.

Com isso, os carros da BMW, mesmo ainda 100% importados, passaram imediatamente a gozar de benefícios, como a antecipação de abatimento no IPI (cujos valores não são divulgados).

Mas o que os novos preços da marca insinuam é que há suficiente gordura para cortar quando surgirem os primeiros BMW nacionais. Se atualmente a versão mais "pelada" do 116i custa R$ 89.950, será difícil convencer o público que esse carro, feito no Brasil, não possa custar por volta de R$ 70 mil.

Sobre o Blog

Bastidores, curiosidades e pequenas loucuras revelados pela redação de UOL Carros, que nunca para de falar de carros. Nunca...